Acompanhe nossas redes

Ela faz cinema – Espaço Itaú de Cinema

Data e Horário

De 19/09/2018 a 23/09/2018

Todos os Dias: 12:00 pm

Local

Espaço Itaú de Cinema Salvador – Glauber Rocha
Praça Castro Alves - Centro, Salvador - BA, 40020-160

Filmes que serão exibidos.

Smetak – A busca por uma obra. Um artista sonoro se joga na obra de Walter Smetak, um alquimista sonora e multiartista suíço que passou boa parte da vida na Bahia. Essa procura se revela um trabalho inalcançável que dura anos provocando uma confusão de identidades.
Diretores: Simone Dourado, Nicolas Hallet e Mateus Dantas

Vergel – Um luto repentino leva uma mulher à beira da loucura. Trâmites funerários, calor e uma vizinha que vem regar as plantas, se juntam em um périplo emocional no qual é impossível distinguir o real do irreal.
Participou da Bafici, Festival de Gramado, Festival do RIO, Festival de Mulheres Bogotá, Festival de Mulheres Punta Del Este, Mostra Internacional de Tunes, entre outros.
Foi produzido em abril de 2017.
Diretora: Kris Niklison

Eu Não Posso Fazer Nada – Em uma sociedade extremamente machista, Ana tenta ignorar os assédios diários que ela e sua namorada sofrem, pois acreditava que não havia uma solução para esse problema.
Filmado em abril de 2018. Foi selecionado para o Festival de Cascavel.
Diretora: Tatiana C. Wisniewski

Siga Violeta – A competição das redes sociais é cruel. Nessa briga pelo maior número de likes, compartilhamentos e seguidores,
dois perfis se cruzam alterando tanto o fluxo de suas rotinas virtuais quanto de suas próprias vidas no mundo real. Foi selecionado para Festival de Cinema do Paranoá – DF, em abril de 2018; Mostra de Produções Independente – RJ, em junho de 2018; SEIS – UFSCAR, em junho de 2018; Canal Curta, em junho de 2018.
Realizado em dezembro de 2017.
Diretora: Carolina Menezes Silvério

Pão de Rosas – Uma família ribeirinha composta de mãe, filha e padrasto vivem em relativo isolamento no litoral do Brasil. A mãe, Antônia, segue a tradição de sua família vendendo pães após percorrer longas distancias. Janaína, segue as ordens de uma mãe austera que descarrega nela suas frustrações. Ambas convivem com Jaime, um pescador que explora sexualmente de forma velada a companheira e a enteada. É nesse contexto indigesto que mãe e filha tentam descobrir uma nova receita para a vida. Selecionado para Porto Femme – International Film Festival ( Portugal), em 2018.
Diretora: Daniela Camila Nunes de Souza

Gerônimo – Gerônimo é o Sísifo contemporâneo. Abandonado e condenado por si mesmo, empurra o fracasso de se identificar, no plano individual ou coletivo. Entre o simbólico e o real, ele faz com que reflitamos: O que cada um carrega? Ou abandona pelo caminho? Que força faz mesmo a vida girar? A verdade? O amor? Nesse Mise en abyme, Geronimo atravessa suas questões, mas muito mais as nossas.
Vencedor da Categoria Melhor Direção de Fotografia – 11° Curta Taquary. Selecionado para Mostra 11o Curta Taquary – Taquaritinga do norte (PE) e Festival Guarnice de Cinema – São Luis (MA).
Direção: Anny Stone

Só Por Hoje – Olivia é uma mulher solitária e deprimida. Enclausura seus sonhos no mesmo filme que sempre assiste na televisão e nas eventuais visitas da filha, que nunca proporcionam o retorno afetivo esperado. Um dia, uma carta que recebe por engano, a leva a uma reunião dos Alcóolicos Anônimos. Um impulso a faz permanecer ali e receber o compartilhamento de várias outras pessoas, agora novas em sua vida. Ao decidir frequentar os encontros, Olivia volta a olhar para si mesma.
Selecionado para Curta Cinema! 2017 (RJ) e Curta Taquary 2018
Produzido em novembro de 2017.
Direção: Sabrina Garcia

Kátharsis – Clarice entra em um teatro abatida e com amnésia. Sua única lembrança é a de estar ali para fazer um teste. O frio e lacônico Hermes, diretor da peça, a desafia a ler e encenar trechos de uma tragédia teatral que revelarão obscuras verdades e mudarão para sempre a sua existência.
O Curta metragem tem uma carreira em Festivais: Seleção Oficial Festival de Cinema de Gramado 2017, Semifinalista Los Angeles CineFest 2017, Semifinalista Hollywood Screenings Film Festival 2018, Seleção Oficial Mumbai Shorts International Film Festival 2017, Premiado como Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Atriz no CineSerra 2017, Premiado como Melhor Filme e Melhor Atriz no Festival de Curtas Metragem de Bom Jesus dos Perdões 2018, Seleção Oficial Curta Canedo 2017 com Oito Indicações: Melhor Filme, Melhor Independente, Melhor Diretor, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Roteiro, Melhor Ator e Melhor Atriz, Premiado com 2ª Melhor Fotografia, Seleção Oficial Cine Tamoio 2017 com Duas Indicações: Melhor Figurino e Melhor Atriz, Seleção Oficial Mostra das Minas 2017, FFF-Festival de Filmes de Faina 2017, Cine Bodó 2017, Cineamazônia 2017, Festival de Cinema de Jaraguá do Sul 2018, Festival Internacional Primavera do Cine 2018, FILMenina 2018, e premiado com Destaque em Conjunto da Obra na etapa estadual da 2ª Mostra SESC de Cinema 2018.
Foi semifinalista Los Angeles CineFest 2017, semifinalista Hollywood Screenings Film Festival 2018. Premiado como Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Atriz no CineSerra 2017. Premiado como Melhor Filme e Melhor Atriz no Festival de Curtas Metragem de Bom Jesus dos Perdões. Premiado com 2ª Melhor Fotografia no Curta Canedo 2017 e premiado com Destaque em Conjunto da Obra na etapa estadual da 2ª Mostra SESC de Cinema 2018.
Produzido em Julho de 2017.
Diretora: Mirela Kruel

Close – Jéssica, Suyanne, Bruna e Nathália estão detidas na Unidade Prisional, localizada em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza. Um espaço, várias histórias, a mesma esperança compartilhada por todas: resistir e lutar pelo fim do preconceito.
Conquistou os prêmios Melhor Curta da Mostra Diversidade, do 10º Curta Taquary; Melhor Filme do Programa Cine Doc, da Mostra Curta Retiro; Melhor Montagem em Documentário, no 8º Civifilmes – Festival de Cinema Independente; Melhor Filme eleito pelo público, no Curta (C)errado: Gênero e Sexualidades; Menção Honrosa, na 3ª Edição FFF- Festival de Filmes de Faina; Melhor Roteiro de Documentário, no III Cine Paraíso – Festival de Cinema de Juripiranga; Melhor edição, na Mostra Cearense do Palmacine – Festival de Cinema de Palmácia, Melhor Montagem Curta-metragem, no 1º Festival Independente Nacional de Cinema, TV e Online de Jaraguá do Sul.
Foi selecionado para as seguintes mostras: 10° Curta Taquary – Festival Internacional de Curta Metragem, I Mostra Curta Retiro, IX Mostra Outros Cinemas, Curta O Gênero 2017, 27° Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema, 4º Mostra da Diversidade Sexual de Campinas, II Festival Feminista do Porto, em Portugal, 25º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, 12ª edição do Festival Taguatinga de Cinema, Festival Visões Periféricas 2017, CineFest Gato Preto, 15º Curta Santos, Curta (C)errado: gênero e sexualidades, 8º Civifilmes – Festival de Cinema Independente, Mostra de Curtas da Ocupação Transarte BH 2017, Festival Internacional Colaborativo Audiovisual (FICA.VC), 8ª Mostra Audiovisual de Petrópolis, I Festival Sertão e Diversidade, 12º Curta Canoa Festival Latino Americano de Cinema de Canoa Quebrada, 3ª Edição – FFF Festival de Filmes de Faina 2017, 1ª Mostra Audiovisual Chapisco, 1º Cine Cariri, III Cine Paraíso – Festival de Cinema de Juripiranga, III Mostra Itinerante Livre de Cinema, Cine Amazônia – Festival de Cinema Ambiental, Cine Mostra Direitos Humanos, 16a edição da Mostra do Filme Livre, 1º Festival Independente Nacional de Cinema, TV e Online de Jaraguá do Sul, Filmenina – Mostra de Cinema, 4ª Mostra Pajeú de Cinema, Palmacine – Festival de Cinema de Palmácia.
Foi produzido em janeiro de 2017.
Diretora: Rosane Gurgel

Mini Miss – Filmado inteiramente da perspectiva de uma criança de quatro anos, MINI MISS acompanha cinco meninas entre 3 e 5 anos que participam do concurso de beleza Mini Miss Baby Brasil. O filme oferece uma visão única sobre a primeira infância, mostrando a capacidade nata de resistência das crianças num mundo dominado por normas e desejos de adultos. Filmado em janeiro de 2018
Vencedor do É tudo Verdade / Its all True – BRAZILIAN COMPETITION (Prêmio Canal Brasil de Melhor Documentário de Curta Metragem). Selecionado para True/False 2018 – Official selections – PREMIERE MUNDIAL; É tudo Verdade / Its all True – BRAZILIAN COMPETITION; Docaviv – INTERNATIONAL COMPETITION; Sheffield Doc/Fest; AFI Docs Film Festival.
Diretora: Rachel Daisy Ellis

Data e Horário

De 19/09/2018 a 23/09/2018

Todos os Dias: 12:00 pm às

Local

Espaço Itaú de Cinema Salvador – Glauber Rocha
Praça Castro Alves - Centro, Salvador - BA, 40020-160

Compartilhe nas suas redes
Compartilhe