Memorial da Câmara Municipal de Salvador

O Memorial da Câmara Municipal de Salvador foi criado pelo Decreto Legislativo n° 855 de 10 de outubro de 1997 e aberto ao público em 2001. Museu público e sem fins lucrativos de responsabilidade desta Casa Legislativa, é dedicado à preservação e divulgação da memória histórica e cultural da instituição, assim como da cidade do Salvador, através de seu acervo documental, iconográfico e mobiliário.

Em 29 de dezembro de 2010, o Memorial foi reinaugurado com um trabalho de revitalização do seu espaço cujo projeto e obras fizeram destacar:

-Visualização do subsolo do prédio, onde funcionavam as enxovias (prisões subterrâneas);
-Materiais arqueológicos garimpados nas escavações;
-Pinturas originais nas colunas de sustentação, do início do século XX, em técnica Escariole;
-Beleza arquitetônica do madeirame de sustentação do assoalho;
-Revitalização do acervo existente dentro de um layout moderno.

O núcleo inicial do Memorial foi a Pinacoteca do Paço Municipal, composta, em sua maioria, por retratos de personalidades históricas de Salvador, pintados por artistas renomados como: Lopes Rodrigues, Presciliano Silva, Alberto Valença, Victor Meireles, Henrique Passos, Carlos Bastos e Floriano Teixeira.

Além dos retratos, também fazem parte do acervo alguns exemplares de mobiliário do século XIX, uma urna de prata trazida de Portugal, medalhas e condecorações, achados arqueológicos, fotografias e réplicas de cerâmicas indígenas doadas pela Associação de Ceramistas da Bahia.

O Memorial da Câmara Municipal de Salvador é um espaço voltado para diversos públicos. Sua missão é contribuir para a aproximação da população com o patrimônio histórico e a memória cultural da cidade, através de ações que evidenciem a importância de Salvador e de seu poder municipal no contexto da história do Brasil.

Facebook: https://www.facebook.com/camaradesalvador

Site: www.cms.ba.gov.br

Horário de Funcionamento: 9h às 17h

Fonte: www.cms.ba.gov.br

Telefone: (71) 3320-0116